A historia do rato na garrafa – Coca Cola diz que é impossivel em comunicado

A Coca-Cola divulgou um comunicado oficial em resposta a 1 consumidor que alega ter encontrado 1 rato morto dentro de uma garrafa ainda lacrada do refrigerante. O caso de Wilson Batista Rezende foi registrado em dezembro de 2000 e noticiado há pouco mais de uma semana em reportagem na TV Record – com grande repercussao nas redes sociais. A Coca-Cola Brasil esclarece que – “Todos os nossos produtos sao seguros e os ingredientes utilizados sao aprovados pelos órgaos regulatórios, em um histórico de 127 anos de compromisso e respeito com os consumidores. Os nossos processos de fabricaçao e rígidos protocolos de controle de qualidade e higiene tornam impossível que um roedor entre em uma garrafa em nossas instalaçoes fabris. Lamentamos o estado de saúde do consumidor, mas reiteramos que o fato alegado nao tem fundamento e é totalmente equivocada a associaçao entre o consumo do produto e o seu estado de saúde”